top of page

COVID-19, Isolamento social e o Meio Ambiente

O que sabemos?

A pandemia do vírus COVID-19 certamente será o maior problema de saúde pública enfrentado nas primeiras décadas do século XXI. Sabe-se que o vírus provém da ingestão da carne de algum animal, provavelmente o morcego, e que a melhor forma de se prevenir e diminuir o risco de contágio é através do isolamento social. Desde que se propagou, o COVID–19 ou Novo Corona Vírus, já demonstra que suas alterações vão além de impactar a vida da população humana, ele também trouxe muitas alterações para o meio ambiente.

Pontos positivos que o isolamento social trouxe para o meio ambiente.

Muitas notícias que têm circulado por meios de comunicação como redes sociais e noticiários são relacionadas aos pontos positivos que o isolamento das pessoas tem trazido para o meio ambiente, como redução de gases poluentes, praias mais limpas e, consequentemente, melhoras na vida marinha. Animais silvestres estão sendo vistos com maior frequência em áreas urbanas devido à menor movimentação de pessoas, além de menos ruídos devido a falta de movimentação de veículos.

Pontos negativos que o isolamento social trouxe para o meio ambiente.

Mas, não são apenas impactos positivos que devem ganhar destaque, acredita-se que o surto seja fruto da degradação ambiental, porque doenças zoonóticas (que são transmitidas de animais para seres humanos) estão crescendo à medida que o habitat natural dos animais tem sido dividido com o homem.

Como essas relações são interconectadas é preciso salientar o alerta dos pesquisadores sobre a crise climática que vivemos, alguns estudos mostraram que as pessoas que vivem expostas em locais de alto índice de poluição atmosférica possuem duas vezes mais chances de morrer por COVID-19. É possível que um vírus que ainda não conhecemos se encontre sozinho no corpo de um hospedeiro como o dos animais selvagens, mas pode se espalhar com o aumento da temperatura global, juntamente com as ameaças aos ecossistemas e assim serem transmitidas para o homem.

Outra questão ambiental que tem aumentado desde o surgimento da pandemia é o crescimento na geração de resíduos sólidos por parte da população, com as pessoas ficando mais tempo em casa, naturalmente elas consomem mais e assim geram mais resíduos, porém são poucos os municípios que possuem coleta seletiva e essa se transforma em uma outra forma de contágio, já que boa parte das pessoas infectadas fazem o tratamento em casa é possível que o material descartado esteja infectado. Portanto, é necessário pensar em como lidaremos com um futuro de poucas certezas e como os impactos dos dias atuais irão refletir.




Mais artigos GAAM Jr






Bình luận


bottom of page