top of page

Composteira doméstica: o que é e como fazer

Introdução

Em meio a um mundo repleto de mudanças de paradigmas e de novas maneiras de se viver, em relação à alimentação e um consumo mais consciente: existe uma grande preocupação com a qualidade do meio ambiente. Dessa forma, alimentos orgânicos e produtos ecologicamente corretos se tornam cada vez mais presentes no cotidiano. Porém, esses produtos possuem um preço elevado. Uma solução interessante, que um número cada vez maior de pessoas vem adotando, é a composteira doméstica.

Neste texto, você vai aprender como uma simples ferramenta pode permitir que você reduza a quantidade de lixo produzido na sua casa e, também, gerar um composto que fortalece sua plantação.

Mas, afinal, o que é compostagem?

Segundo o Ministério do Meio Ambiente, compostagem é “a reciclagem dos resíduos orgânicos”, “uma técnica que permite a transformação de restos orgânicos (sobras de frutas e legumes e alimentos em geral, podas de jardim, trapos de tecido, serragem, etc) em adubo”.

E como eu posso fazer compostagem?

O processo da compostagem é muito simples. Se sua residência tiver um quintal com grama, é necessária uma caixa sem fundo, posicionada na grama para drenagem do líquido pelo solo. Além disso, também será utilizado o lixo orgânico e um material fibroso, seco e sem odor, como, por exemplo, pó de serra ou palha de grama seca, para evitar a proliferação de insetos, larvas, etc.

Já se sua sua residência não tiver um quintal com grama, ainda assim é possível realizar o processo. Porém, serão necessárias 2 ou 3 caixas de plástico sobrepostas, as caixas de cima devem conter furos para permitir a transição do adubo, já a última deve conter uma torneira para realizar a retirada de chorume. O processo do lixo orgânico e do material fibroso é igual ao do exemplo a seguir.

Vantagens de realizar compostagem

Primeiramente, quando a compostagem é realizada o resultado dela é um adubo orgânico, rico em nutriente. Tal adubo pode ser utilizado para enriquecer o solo para agricultura ou jardinagem. Em segundo lugar, a compostagem é uma maneira de reduzir o lixo orgânico destinado a lixões, onde o mau cheiro e o gás metano são gerados. Por último, a compostagem é ainda uma boa maneira de economizar dinheiro que seria gasto em sacos de lixos ou adubos prontos. E pode ser aquela desculpa que você precisava para começar a sua horta!




Mais artigos GAAM Jr






Comments


bottom of page